• O Canal da Lili

No Dia do Trabalhador, deputada Professora Bebel diz que a esperança vencerá o ódio


Bebel disse que o trabalhador tem pouco a comemorar, porque a população está passando fome e sem emprego - Imagem: Divulgação

A presidenta da Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial de Ensino do Estado de São Paulo), a deputada estadual Professora Bebel (PT), participou no último domingo (1º), das manifestações do Dia do Trabalhador. O evento foi realizado na Praça Charles Miller, em São Paulo, em frente ao Estádio do Pacaembu e a deputada disse que a “esperança vencerá o ódio”. O 1º de Maio foi marcado por manifestação unificada das centrais sindicais e contou com a participação do ex-presidente Lula, pré-candidato à Presidência da República pelo PT.


Bebel diz que ficou muito contente de reencontrar tantas companheiras e tantos companheiros e, sobretudo, ver a presença de tantos profissionais da educação, de todas as regiões do Estado. “Esperamos e lutamos por uma grande vitória do povo brasileiro, que possa fazer o Brasil voltar a sorrir”, enfatizou a deputada Professora Bebel.



A presidenta da Apeoesp disse que o 1º de Maio deste ano era de protesto “contra esse governo genocida de Bolsonaro. O povo está sem emprego e passando fome. Falo na condição de mãe, mulher”, disse, ressaltando os ataques ao funcionalismo público. "Inclusive com o governo estadual confiscando os salários de todos os seus aposentados e pensionistas”, discursou, defendendo a unidade e a retomada de direitos, acabando com a reforma trabalhista, a sindical e o teto de gastos. “É importante o dia de hoje, vocês fazendo a luta. Temos pouco a comemorar. Mas estamos com esperança, que vencerá o ódio. Queremos o Brasil feliz novamente”, completou, cumprimentando a todos os trabalhadores que constroem esse País.


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon