• O Canal da Lili

Levantamento da Apeoesp mostra mais de 400 casos de covid em escolas estaduais


Bebel tem lutado para que o governo garanta segurança sanitária nas escolas - Imagem: Divulgação

O levantamento realizado pela Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial de Ensino no Estado de São Paulo), desde a retomada das aulas neste ano, 403 casos de Covid-19 em 95 escolas estaduais, envolvendo toda comunidade escolar, de professores a alunos. Esses números se referem ao levantamento até o início da noite dessa quarta-feira (16), e está disponível no portal da entidade (www.apeoesp.org.br).


A presidenta da Apeoesp, a deputada estadual Professora Bebel (PT), diz que esse levantamento que vem sendo realizado diariamente aponta até agora a contaminação de duas diretoras, uma coordenadora, 249 professores, 37 funcionários e 98 alunos.


A Apeoesp, como explica Bebel, tem lutado para que o Governo garanta segurança sanitária nas escolas, para que mantenha ensino remoto para crianças não vacinadas e que garanta testagem em massa nas unidades escolares. “Temos defendido o máximo de 25 estudantes por sala de aula, para garantir o distanciamento e melhorar a qualidade do ensino, mas isso, infelizmente, não vem sendo respeitado. Temos verificado um número excessivo de alunos em boa parte das salas de aulas, passando de 40 em muitos casos, como que a pandemia já tivesse sido superada. A situação é grave, porque o País mostra que os casos de mortes voltaram a crescer e já passam de mil diariamente”, diz a presidenta da Apeoesp.


Com a alta no caso de Covid-19, principalmente com a nova variante ômicron, a deputada Bebel também tem apelado para que os pais levem seus filhos para tomarem a vacina de imunização, que, com certeza, preserva vidas, antes de retornarem às aulas. “Pais, não mandem seus filhos à escola, sem estarem vacinados!”, acrescenta.


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon