top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

Projeto viabiliza uso do resíduo de podas de árvores na agricultura familiar em Piracicaba (SP)


Recentemente, o grupo promoveu realização de dois Dias de Campo - Imagem: Divulgação

O Projeto Tritura Pira, desenvlvido por produtores rurais agroecológicos de Piracicaba (SP), visa estabelecer os processos e procedimentos para o uso do resíduo de podas de árvores na agricultura, vinculados aos processos da Prefeitura, conciliando a destinação adequada com o apoio à produção local de alimentos saudáveis. O Tritura Pira é composto por integrantes do Projeto Corredor Caipira, Sítio São João, Sítio São Benedito, Sítio Kuaíra, Chácara Cachoeira Comprida, Chácara Brasil, Casa do Hip-Hop, Movimento Tô Aqui, USP Recicla, Amazonita Paisagismo, Comunidade que Sustenta a Agricultura - CSA Piracicaba, OCS Agroecológica Piracicaba, com apoio da Sema - Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento, Smads - Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Gmea - Grupo Multidisciplinar de Educação Ambiental e do Mandato Coletivo “A Cidade é Sua”, forma o Projeto Tritura Pira.


O grupo vem se articulando desde 2021, e vislumbrou a chance de oferta perene do resíduo da arborização urbana, considerando que o mesmo não deve ser destinado como rejeito, já que se configura como material rico para a cobertura de solo na agricultura.



Para iniciar como projeto piloto, as propriedades poderão ser participantes com a função de criar indicadores e monitorar a quantidade de resíduo necessária por hectare, as formas de recebimento do material, o transporte e a distribuição, os melhores procedimentos para a trituração e a incorporação no solo. Em um segundo passo, de posse dos dados gerados pela experiência piloto, pretende-se expandir o acesso e o uso deste material a outros agricultores, comunidades e hortas comunitárias, apoiando uma produção mais sustentável, a geração de trabalho e renda e a segurança e soberania alimentar.


MOBILIZAÇÃO

Recentemente, o grupo promoveu realização de dois Dias de Campo: o primeiro deles no Sítio São João como parte das Simapira 2023 - Semanas Integradas do Meio Ambiente de Piracicaba, no dia 5 de junho; o segundo foi realizado no dia 29 de julho, na Horta Comunitária da Pauliceia, ao lado da Casa do Hip-Hop, quando ocorreu atividade de construção participativa da primeira versão do protocolo de funcionamento do Projeto Tritura Pira, com mutirão de plantio de bananeiras e hortaliças em diversos canteiros, trabalhando com abundância de biomassa e material triturado para a cobertura do solo.


Imagem: Divulgação

De acordo com o Mandato Coletivo “A Cidade é Sua”, estão previstos um Dia de Campo no mês de agosto, na propriedade da Aliança de Misericórdia, e em outubro, na Chácara Cachoeira Comprida, durante a Sapo 2023 - Semana Agroecológica Piracicaba Orgânica. "Os benefícios do aproveitamento dos resíduos da arborização urbana em propriedades rurais e hortas urbanas equivalem à valorização do material triturado como um importante insumo para produção de alimentos saudáveis e soberania alimentar, além da construção coletiva de uma política pública que garanta o acesso de agricultoras, agricultores e comunidades aos resíduos de podas de árvores para a produção mencionada".


OPORTUNIDADES

O município de Piracicaba, ressalta o Mandato Coletivo “A Cidade é Sua”, criou oportunidades a partir dos avanços nos aspectos jurídicos e legais com a aprovação do Programa Municipal de Agricultura Urbana, do Sisan - Sistema de Segurança Alimentar e Nutricional no âmbito municipal, do Selapir- Selo Local de Alimentos e do Programa Cozinha Experimental, bem como ao adquirir um triturador que pode ser utilizado pelos agricultores via Programa Patrulha Agrícola da Sema.


No entanto, alesta o Mandato Coletivo, o grande desafio é a disponibilidade do material para triturar, a ser oferecido pelo Poder Público, pelos serviços de poda de árvores existentes no município e pela CPFL - Companhia Paulista de Força e Luz. "Neste sentido, o grupo do Projeto Tritura Pira continuará em comunicação com a Prefeitura para viabilizar o recebimento dos resíduos e vislumbra paralelamente a sua obtenção por fontes alternativas".





Comments


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page