• O Canal da Lili

Projeto Biblioteca Ativa agrega comunidade escolar em tempos de pandemia


Alunos tiveram a oportunidade de participar de cursos e lives com convidados de locais distantes - Imagem: Divulgação

Com resiliência e muito trabalho, as Etecs (Escolas Técnicas Estaduais) encontraram soluções criativas para manter a dinâmica do Biblioteca Ativa, apesar das restrições de acesso às bibliotecas e ao contato com os livros. A proposta do projeto é oferecer atividades pedagógicas capazes de despertar o interesse pelos estudos e o prazer pela leitura, além de estimular a escrita.


Desde o início da pandemia, os eventos que aconteciam nas bibliotecas foram adaptados e outros criados especialmente para essa nova realidade virtual. A professora Marli Cezário, da Etec João Gomes de Araújo, de Pindamonhangaba, avalia que os eventos on-line trouxeram ganhos. “O trabalho não parou e podemos considerar que a Biblioteca foi muito mais ativa no ano passado”, pondera a educadora.


Na sua avaliação da professora, os alunos tiveram a oportunidade de participar de cursos e lives com convidados de locais distantes que, possivelmente, não estariam disponíveis se os encontros fossem presenciais. Um dos destaques da unidade foi o EtecDay que ganhou uma divulgação mais robusta e maior adesão dos alunos. A programação especial incluiu apresentações de projetos interdisciplinares e de TCCs (Trabalhos de Conclusão de Curso), além de vídeos gravados por estudantes para explicar como funciona cada curso.


ACOLHIMENTO - Na Etec Laurindo Alves de Queiroz, de Miguelópolis, os alunos publicaram vídeos na plataforma Teams com depoimentos sobre como as atividades contribuíram para a evolução da escrita e formação do espírito crítico e repertório cultural. “As ações para o Biblioteca Ativa na unidade não foram planejadas para os alunos, mas com eles”, afirma a diretora Elizabete Pereira. “Incentivamos o protagonismo dos estudantes no mundo da leitura e juntos construímos nossa leitura de mundo”, completa.


O projeto Biblioteca Ativa nas Etecs ganhou mais corpo e foi estratégico para agregar e motivar as equipes para a educação à distância. A tecnologia reuniu todo mundo no mesmo ambiente. Reuniões, trabalhos e eventos acontecerem pela plataforma Teams, pelos perfis do projeto no Facebook e Instagram e nos grupos de WhatsApp.


Acolhimento, interação, conexão, socialização, empatia, descompressão, aprendizado, estudos e inspiração foram as expressões mais usadas por alunos e professores para descreverem como funcionou o Biblioteca Ativa, no período de isolamento. Entre as ações que movimentaram as Etecs se destacam concursos de fotografia, lives sobre vestibulares e carreiras, acervo digital de livros, gincanas virtuais, concursos de poesia, show de talentos, show com familiares e dicas de estágio e emprego.


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon