top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

Museu da Língua Portuguesa e Museu do Futebol são ótimas opções de passeio nos feriados de novembro


Mostra temporária Futebol de Brinquedo - Foto: Giba Marques

O Museu da Língua Portuguesa e o Museu do Futebol são ótimas opções de passeio para quem for aproveitar os três feriados em novembro para passear pela capital paulista. As duas instituições, que fazem parte da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Governo do Estado de São Paulo, vão funcionar normalmente no Dia de Finados (2 de novembro) e também na Proclamação da República (15 de novembro). No Dia da Consciência Negra (20 de novembro), ambos estarão fechados por ser uma segunda-feira – mas, claro, estarão abertos no fim de semana que antecede esta data, 18 (sábado) e 19 de novembro (domingo).




No Museu da Língua Portuguesa, o público tem a oportunidade de conferir a mostra temporária Essa nossa canção, que aborda o elo profundo entre o português e a canção popular brasileira. Por meio de experiências imersivas, é possível ouvir músicas famosas do cancioneiro nacional, como Diário de um detento, sucesso do grupo de rap Racionais MC’s, e Pelo telefone, samba escrito por Donga, considerado o primeiro do gênero a ser gravado. Um dos destaques do projeto é a instalação Palavras Cantadas, criada por Alê Siqueira, na qual o visitante consegue ouvir trechos de 54 canções, que, sem o acompanhamento musical, parecem dialogar entre si.


Com curadoria de Hermano Vianna e Carlos Nader, consultoria especial de José Miguel Wisnik e curadoria especial de Isa Grinspum Ferraz, a exposição temporária Essa nossa canção conta com o patrocínio máster da CCR, patrocínio do Grupo Globo, e com o apoio do BNY Mellon, da PwC Brasil e do Itaú Unibanco – todos por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.


Já na exposição principal, experiências como Português do Brasil, Palavras Cruzadas e Línguas do Cotidiano revelam a diversidade da língua portuguesa falada no Brasil. Além disso, explica, de forma lúdica e interativa, de que maneira as centenas de línguas dos povos originários, dos africanos trazidos ao Brasil escravizados e de imigrantes europeus influenciaram nossa forma de se comunicar.


Mostra temporária Futebol de Brinquedo - Foto: Giba Marques

Por ser o mês do Dia da Consciência Negra, o Museu da Língua Portuguesa também prepara uma programação especial. No dia 15 de novembro, por exemplo, acontecerá a atividade Saberes Negros, no Pátio A da instituição, das 11h30 às 12h30. Nela, o Núcleo Educativo apresenta ao público a produção literária de autores e autoras negras presentes na exposição principal do Museu. Outros destaques são a Feira Luz Criativa Edição D’Ketu, em 11 de novembro, evento gastronômico com barracas com produtos de matriz africana; e a oitava edição do Sarau Hip-Hop no Museu, em 18 de novembro.


No Museu do Futebol, o feriado de Finados será uma oportunidade para fazer uma última visita à exposição principal, que passará por uma renovação a partir de 6 de novembro. Depois de 15 anos de funcionamento e mais de 4 milhões de visitantes recebidos, a instituição está pronta para passar por uma grande mudança. A nova mostra temporária, a Futebol de Brinquedo, permanecerá aberta e é um motivo a mais para visitar o Museu do Futebol.


A Futebol de Brinquedo é um mergulho na memória afetiva dos brinquedos de futebol, incluindo Aquaplay, Pregobol, Super Trunfo, bonecos e bonecas, mascotes das Copas do Mundo FIFA e, é claro, muitos times de futebol de botão. A lista inclui também publicações infantis icônicas, como o Manual do Zé Carioca, lançado pela Editora Abril para a Copa do Mundo masculina de 1974. Há ainda o álbum de figurinhas da Copa de 1970 (masculina, no México) e a revista Pelezinho Edição Especial: 50 anos de Pelé, publicada em 1990. O maior jogador de todos os tempos também é representado em itens raros, com um boneco de 1958 e uma miniatura de 1980.


Os brinquedos foram garimpados pelo Museu do Futebol junto a colecionadores como Sérgio Paz e Caio Infante e torcedores e torcedoras. A própria equipe da instituição colaborou: a extensa coleção de botões com times de todo o país, por exemplo, é de Marcel Tonini, pesquisador do Centro de Referência do Futebol Brasileiro. Vários brinquedos também foram trazidos pelo curador da mostra, o jornalista Marcelo Duarte.


Para o feriado da Proclamação da República, além da exposição Futebol de Brinquedo, atividades ao ar livre estarão à disposição. Mesa de Futebol de Botão, Futmesa, Tamancobol e Futebol Sentado serão algumas das atrações.


Já no Dia da Consciência Negra, o Museu não funcionará - às segundas-feiras, a instituição fica fechada para manutenção. Por outro lado, o fim de semana que antecede esse feriado promete Museu cheio. No sábado, 18 de novembro, vai ter Encontro de Colecionadores para a troca de figurinhas e camisas de futebol das 9h às 15h30. No domingo, 19 de novembro, das 9h às 17h, o Museu do Futebol promoverá uma oficina de confecção das bonecas de pano Abayomi, atividade que faz alusão justamente ao feriado celebrado no dia 20. As demais brincadeiras ao ar livre também ficam à disposição da garotada.


Mostra temporária Essa nossa canção - Foto: Ciete Silvério

SERVIÇO

MUSEU DA LÍNGUA PORTUGUESA: Praça da Língua, s/nº, Luz, em São Paulo. Exposição principal + mostra temporária Essa nossa canção: de terça a domingo, das 9h às 16h30 (com permanência até as 18h). R$ 20,00 (inteira); R$ 10,00 (meia). Meia-entrada (R$ 10,00) para todos os públicos aos domingos. Grátis para crianças até 7 anos. Grátis aos sábados. Acesso pelo Portão A. Venda de ingressos na bilheteria e pela internet:


Atividades no Pátio A – Saberes Negros: dia 15 de novembro (quarta-feira), das 11h30 às 12h30. Local: no Pátio A do Museu da Língua Portuguesa. Grátis.


Feira Luz Criativa Edição D’Ketu: dia 11 de novembro (sábado), das 10h às 17h. Local: no Saguão B e no Pátio B do Museu da Língua Portuguesa. Grátis


8º Sarau Hip-Hop no Museu: dia 18 de novembro (sábado), das 12h às 14h. Local: no Saguão Central da Estação da Luz. Grátis.


MUSEU DO FUTEBOL: Praça Charles Miller, s/nº, Pacaembu, em São Paulo. Exposição principal: estará em obras para renovação de 6 de novembro a abril de 2024. De terça a domingo, das 9h às 18h (entrada permitida até as 17h). R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia). Crianças até 7 anos não pagam. Grátis às terças-feiras. Garanta o ingresso pela internet: https://bileto.sympla.com.br/event/78348/. Estacionamento com Zona Azul Especial: R$ 6,08 por três horas


Exposição temporária Futebol de Brinquedo: de terça a domingo, das 9h às 18h (entrada permitida até as 17h)

R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia) - até 6 de novembro. R$ 14,00 (inteira) e R$ 7,00 (meia) - a partir de 7 de novembro. Crianças até 7 anos não pagam. Grátis às terças-feiras.


SOBRE O MUSEU DA LÍNGUA PORTUGUESA

O Museu da Língua Portuguesa é uma realização do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas, concebido e implantado em parceria com a Fundação Roberto Marinho. O IDBrasil Cultura, Esporte e Educação é a Organização Social de Cultura responsável pela sua gestão.


PATROCÍNIOS E PARCERIAS

A Temporada 2023 conta com patrocínio da CCR, do Instituto Cultural Vale, da John Deere Brasil e do Grupo Globo; com apoio do BNY Mellon, da PwC Brasil, do Itaú Unibanco, do Grupo Ultra e com as empresas parceiras Eaton, Paramount Têxteis, Machado Meyer e Verde Asset Management. Revista Piauí, Guia da Semana, Dinamize e JCDecaux são seus parceiros de mídia. A EDP é patrocinadora máster da reconstrução do Museu. A reconstrução e temporada são uma realização do Ministério da Cultura, por meio da Lei de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet.


SOBRE O MUSEU DO FUTEBOL

Localizado numa área de 6.900 m² no Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho – o Pacaembu, o Museu do Futebol foi inaugurado em 29 de setembro de 2008 e é um dos museus mais visitados do país. Sua exposição principal, distribuída em 15 salas temáticas, narra de forma lúdica e interativa como o futebol chegou ao Brasil e se tornou parte da nossa história e nossa cultura.


É um museu da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Governo do Estado de São Paulo, concebido pela Fundação Roberto Marinho e administrado pela Organização Social de Cultura IDBrasil Cultura, Educação e Esporte.


PATROCÍCIO E PARCERIAS

A Temporada 2023 do Museu do Futebol conta com patrocínio máster do Banco BMG, são patrocinadores: Goodyear, Rede, Sabesp, Cabot e Farmacêutica EMS. Conta ainda com apoio do Mercado Livre e com as empresas parceiras: Evonik Brasil e Banco Safra. Revista Piauí, Gazeta Esportiva, Guia da Semana, Dinamize e JCDecaux são seus parceiros de mídia. A Temporada é realizada pelo Ministério da Cultura, por meio da Lei de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet.


Futebol de Brinquedo fica em cartaz até abril e conta com o patrocínio máster do Banco Bmg, com patrocínio da Goodyear, da Rede e da Sabesp; e com apoio da Cabot – todos por meio da Lei de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet.

Comments


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page