top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

MEC pede 30 dias para indicar caminhos para instalação de universidade federal em Piraicaba (SP)


Deputada Bebel: "Não é pouca coisa a conquista de uma universidade federal para Piracicaba" - Imagem: O Canal da Lili/Eliana Teixeira

*Texto: Eliana Teixeira

Um decreto de utilidade pública pode ser o primeiro e mais ágil passo para que os 300 mil metros quadrados de área construída do campus Taquaral da Unimep - Universidade Metodista de Piracicaba se tornem instalações da UFSCar - Universidade Federal de São Carlos em Piracicaba (SP). Essa alternativa foi citada, nessa quinta-feira (3), durante coletiva de imprensa que reuniu a deputada estadual Professora Bebel (PT), o ex-prefeito de Piracicaba, José Machado, o professor Ely Eser Barreto César, a vereadora Rai de Almeida (PT) e Pedro Totti, secretário de Organização do Partido dos Trabalhadores no município. Machado ressaltou que o entendimento é de que seja possível assinar o decreto de utilidade pública, independentemente de questões orçamentárias, o que evitaria a "cobiça imprópria" de grupos de investidores pelo campus Taquaral da Unimep.


Na última quarta-feira (2), em Brasília (DF), membros e o secretário executivo do MEC - Ministério da Educação e Cultura, Leonardo Osvaldo Barchini Rosa, garantiram durante audiência com uma comitiva de Piracicaba, composta pela Professora Bebel, por José Machado, professor Ely Eser César, Pedro Totti, e pelo secretário municipal da Educação, Bruno Roza, o prazo máximo de 30 dias para uma posição sobre as ações a serem seguidas para a instalação da UfsCar no campus Taquaral da Unimep, que foi desativado no início deste ano pela Rede Metodista.

Durante a coletiva à imprensa, realizada no New Life Hotel, no Centro de Piracicaba, Bebel e Machado ressaltaram que o MEC irá fazer um amplo estudo para ver a melhor viabilidade de o Governo Federal assumir o campus Taquaral, se por dação ou desapropriação, e para isso irão consultar o Ministério da Fazenda e a AGU - Advocacia Geral da União. "Não é pouca coisa a conquista de uma universidade federal para Piracicaba. E o MEC é arituculador do projeto , enfatizou a deputada Professora Bebel.


Apesar de o ex-prefeito José Machado lembrar que em Piracicaba o Engenho Central é fruto de uma desapropriação, realizada em 1989, quando foi prefeito em segundo mandato da cidade, indicando ser esse o caminho mais ágil, a deputada Bebel disse que independente do instrumento a ser adotado, “a saída que o MEC apontar vamos agarrar”. Essa opinião também é defendida pelo secretário de Organização do PT, Pedro Totti.


Bebel e Machado: "MEC irá fazer um amplo estudo para ver a melhor viabilidade" - Imagem: O Canal da Lili/Eliana Teixeira

GOVERNO FEDERAL

Se necessário, a deputada Bebel e o ex-prefeito José Machado disseram que levarão o caso ao ministro Fernando Haddad e até ao presidente Lula. Bebel, que participa da Frente pela Expansão das Universidades e dos Institutos Federais, disse que o Governo Federal já garantiu a criação de um Instituto Federal na cidade de Bebedouro (SP). "Haddad, quando ministro da Educação, tratou a educação como investimento, como o presidente Lula está defendendo nesse novo governo. Por isso, têm grandes perspectivas de que essa proposta será encampada pelo Governo Federal", afirmou.


A reivindicação para instalação de uma universidade federal em Piracicaba já foi levada ao presidente Lula pela deputada Professora Bebel, em audiência em Brasília (DF), em 8 de março deste ano, sendo protocolado o seu pedido ainda primeiro semestre. No mesmo período, em Piracicaba foi criado um movimento, iniciado pela vereadora Rai de Almeida, envolvendo diversos segmentos da sociedade, principalmente de ex-professores e ex-alunos da Unimep, com um abaixo-assinado neste sentido.


A vereadora também destacou a importância de uma Universidade Federal na cidade. "A Unimep teve papel de extrema importância, foi a instituição de formação e protagonismo político. Não podemos deixar esse espaço vazio", ressaltou Rai de Almeida.


COMITIVA

Para a comitiva que esteve em Brasília, o Governo sinaliza positivamente pela instalação de uma universidade federal em Piracicaba. Para Bebel, isso se deve ao fato de o ministro da Educação, Camilo Santana, ter aprovado a ideia, uma vez que em audiência em 17 de abril, em Brasília, disse: “se tem campus, tem que ter universidade”. Questionada se um pedido seu teria peso na decisão do Governo de instalar a universidade na cidade, Bebel diz que ele aposta no fortalecimento da educação, mas que tanto um pedido dela como do ex-prefeito Machado certamente é analisado com carinho, e que entende que uma Universidade Federal em Piracicaba é estratégico.


O professor Eli Eser Barreto falou da importância de ser instalada uma universidade federal na cidade sede da RMP - Região Metropolitana de Piracicaba para ocupar o espaço deixado pela Unimep e, inclusive, ser voltada à formação de novos professores. O campus Taquaral da Unimep chegou a ter mais de 50 cursos universitários, tanto de graduação como de pós-graduação, e pelo menos 15 mil alunos. “Foi deixado um vazio com a desativação do campus Taquaral que precisa ser preenchido para garantir uma universidade na cidade que atenda toda Região Metropolitana, inclusive o Estado”, defendeu também a deputada Bebel.


Comments


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page