• O Canal da Lili

Mamografias: carreta do Estado estará em Piracicaba de 25/01 a 05/02, na Estação da Paulista

Atualizado: 8 de fev.


Carreta Programa Mulheres do Peito de SP - Imagem: Divulgação/Secretaria Estadual de Saúde

Com o objetivo de detectar precocemente o câncer de mama e facilitar o acesso ao diagnóstico e tratamento da doença, a Prefeitura de Piracicaba recebe a partir desta terça-feira (25) até o dia 5 de fevereiro, a carreta do Programa Mulheres de Peito, da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo. A unidade ficará na Estação da Paulista e os atendimentos são gratuitos.


A iniciativa estimula mulheres piracicabanas com idades entre 50 e 69 anos a realizarem exames preventivos de mamografia, de forma gratuita, a cada dois anos na rede pública e visa a detecção precoce de tumores malignos, inclusive em fases em que a mulher não apresenta nenhum sintoma.


“É importante lembrar que serão distribuídas 50 senhas por demanda espontânea para as mulheres de Piracicaba, de terça a sexta-feira, para atendimento no mesmo dia, das 8h às 17h, e no sábado, 25 senhas, das 8h às 12h”, enfatiza o secretário de Saúde, Filemon Silvano.


Para realizar os exames, as mulheres de 50 a 69 anos precisam apenas levar documentos como RG e Cartão SUS. As mulheres entre 35 e 40 anos e acima de 70 anos que necessitem realizar o exame poderão realizá-lo na carreta, porém, devem apresentar um pedido médico, cartão SUS e RG. “É importante que as mulheres desenvolvam sua consciência para o autocuidado. Aquelas mulheres que há mais de dois anos não realizam o exame de mamografia terão mais uma oportunidade para cuidarem de si. O câncer de mama não espera. Por isso, a detecção precoce é a melhor alternativa para o cuidado com a saúde”, afirma Rafaela Mossarelli Penedo, coordenadora da Atenção Secundária, da Secretaria Municipal de Saúde.


A unidade ficará na Estação da Paulista e os atendimentos são gratuitos - Imagem: Divulgação/Secretaria Estadual de Saúde

As unidades móveis de mamografia contam com uma equipe multidisciplinar composta por técnicos em radiologia, profissionais de enfermagem, funcionários administrativos e um médico ultrassonografista. As carretas possuem 15 metros de comprimento, 4,10 metros de altura e, quando abertas, 4,90 metros de largura. Além do mamógrafo, cada veículo é equipado com aparelho ultrassom, conversor de imagens analógicas em digitais, impressoras, antenas de satélite, computadores, mobiliários e sanitários.


A vinda da carreta ao município foi viabilizada por meio da articulação do deputado estadual Alex de Madureira junto ao secretário de Estado de Saúde, Jean Gorinchteyn, por meio de ofício enviado no mês de outubro de 2021.


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon