• O Canal da Lili

Live marca lançamento da Associação de Surdos – Libras Piracicaba neste sábado (26)


Diretoria da Assupira lança a associação neste sábado (26) - Imagem: Rodrigo Alves

A comunidade surda de Piracicaba e região vai ganhar mais força e representatividade. A Assupira (Associação de Surdos – Libras Piracicaba), fruto da organização e trabalho do Grupo Libras Piracicaba e Região, será lançada neste sábado (26), às 19h30, em live via canal no YouTube da associação (@assupira) e do grupo (@LibrasPiracicabaeRegião). Esse marco terá a presença de autoridades locais, estaduais e nacionais, lideranças surdas e influenciadores digitais.


Além de acompanhar o lançamento, o público também poderá ajudar na manutenção e desenvolvimento da Assupira, por meio de doações, pelo QR-code que estará na tela da transmissão ao vivo no sábado. A associação é de caráter filantrópico e sem fins lucrativos, mantida por doações e conta com o trabalho de mais de 25 voluntários. Também será possível ser sócio da Assupira, com uma contribuição mensal.


A live será conduzida pelos mestres de cerimônia Catharine Moreira, artista e poeta, e Fábio de Sá, professor, artista e poeta, e conta com o apoio do Pernas Caipiras. Para apresentar a Assupira, seus compromissos, atividades, a sede, cursos e o histórico de atuação da comunidade surda, terão a palavra o presidente da associação, Thiago Pereira da Silva, o vice-presidente, Alexandre Ribeiro, o 1º secretário, David Rodrigues Marques, e a coordenadora do Grupo Libras e 2ª secretária da associação, Beatriz Turetta.


Convidados especiais também irão compartilhar suas trajetórias e conquistas, com participações ao vivo ou gravadas, com interpretação de Libras de Carolina Fomin, Flávia Lima, Thiago Laubstein e Thiago Osmundo e legendas simultâneas para garantir a acessibilidade. “Será uma honra ter a participação de todos em nossa live para apresentar a Assupira e compartilhar essa conquista para a comunidade surda”, afirma Silva. “Não apenas no lançamento, mas em todo o desenvolvimento das nossas atividades, todos são bem-vindos”, complementa o presidente da associação.


Participarão do evento, representando as autoridades locais, o prefeito Luciano Almeida; o presidente da Câmara de Vereadores Gilmar Rotta; o secretário de Saúde Filemon Silvano; e a secretária da Agricultura e Abastecimento Nancy Thame. Representando o Comdef (Conselho Municipal de Proteção, Direitos e Desenvolvimento da Pessoa com Deficiência), participa o presidente Wander Viana; a Apaspi (Associação dos Pais e Amigos dos Surdos de Piracicaba), a assistente social Sandra Rita da Cruz Moura. O CeaPCD (Conselho Estadual de Assuntos da Pessoa com Deficiência), a coordenadora Letícia Françoso.


ORGANIZAÇÃO

O lançamento da Assupira será momento ainda para estimular a população surda a buscar mais e novos espaços na sociedade, por meio da organização e atuação de grupos e entidades. Participações nesse sentido terão o presidente da Feneis (Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos), Antonio Campos de Abreu; a diretora de política educacional e linguística da Feneis, Flaviane Reis; a representante da CNJS (Coordenadoria Nacional de Jovens Surdos), Aline Kaster; e o professor de matemática e Libras da Escola Municipal de Educação Bilíngue para Surdos Helen Kaller em São Paulo, Neivaldo Augusto Zovico.


ORGULHO

A importância da Libras (Língua Brasileira de Sinais) em uma associação de surdos e o orgulho surdo também serão temas abordados pela professora de Libras e influenciadora digital Michele Machado (@misurdamg), com 15,8 mil seguidores no Instagram, e pela professora universitária de Libras Francielle Martins junto a sua filha Fiorella Martins, influenciadora mirim com 27,8 mil seguidores no Instagram (@odiariodefiorella).


O lugar da associação como uma segunda casa da comunidade surda será discutido por Raissa Siqueira Tostes, psicóloga e professora de Libras. As pautas trabalhadas nas associações de surdos serão assuntos da participação de Alexssandro Silva da Fonseca, professor de Libras.


OPORTUNIDADES

A busca por mais oportunidades para que a população surda conquiste seus objetivos profissionais fará parte do trabalho da Assupira. Durante a live, trarão essa temática a professora da UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), Mariana Isaac Campos; a auxiliar administrativo e mística, Isabela Cristina Barbieri; o professor de Libras e empreendedor, João Fernado Ramazzine; o empresário no ramo da gastronomia, João Vitor Scaramboni; a fotógrafa Endy Lorrany; e a atleta de futsal e futebol Stefany Krebs.


ARTE

A arte e a cultura surda não ficarão de fora do trabalho da Assupira. O poeta Bruno Ramos preparou um poema com o sinal da Assupira para a live. A arte do SLAM (poesia surda) será expressada pela artista e poeta Catharine Moreira. O VV (Visual Vernacular ou Libras 3D, recurso artístico e poético próprio das línguas de sinais) terá espaço por meio do professor, artista e poeta Fábio de Sá. A arte circense será representada pelo professor de Libras Sandro dos Santos Pereira. Já Henrique Peres, por meio do humor, vai compartilhar uma história que remete à importância de todos da comunidade surda acreditarem no próprio potencial.

  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon