• O Canal da Lili

Linkado com Andrea Almeida na solidariedade


Andrea Almeida é a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Piracicaba - Imagem: Claudinho Coradini

Desde 1º de janeiro de 2021, a educadora física Andrea Cristina Alves Mattedi de Almeida, 54 anos, teve uma mudança intensa e significativa em sua rotina. Casada com o prefeito, Luciano Almeida, ela assumiu há mais de seis meses o posto oficial de primeira-dama e também a função de presidente do Fussp (Fundo Social de Solidariedade de Piracicaba). E em tempos tão difíceis como os atuais, o exercício da solidariedade, palavra essa que tem como sinônimo caridade – o Dia da Caridade é celebrado em 19 de julho, no Brasil desde 1966 – tem sido primordial. Mãe de Luciano Filho, de 27 anos, e Beatriz, de 24 anos, Andrea Almeida conta como é o seu trabalho à frente do Fussp.


Como tem sido conciliar sua vida pessoal, desde que se tornou primeira-dama e presidente do Fussp, com as demandas exigidas pelos cargos ocupantes atualmente? Sua rotina mudou muito?

Não é tarefa fácil conciliar tudo e fazer bem-feito, mas o segredo é conhecido por muitas mulheres que fazem isso, acredito que tem que ter disciplina para achar tempo para tudo, fazer com vontade e amor. A rotina mudou sim, mas dá para conciliar tudo, e o trabalho é envolvente.


Em relação ao Fussp, seu trabalho como presidente também acaba envolvendo seus filhos? Como tem sido isso no âmbito familiar?

Lili, eu trabalho fora de casa há mais de 30 anos, continuo dando minhas aulas todos os dias, vou ao Fussp diariamente também. Me dedico aos dois trabalhos da melhor forma que consigo. Isso exige comprometimento, dedicação, e sei que estou tendo uma oportunidade de ajudar o próximo, então, este é o momento! Meus filhos estão acima de tudo, sempre eles em primeiro plano, mas hoje, com a idade que eles têm, não precisam mais dos meus cuidados, pelo contrário, hoje são eles que me ajudam a resolver boa parte dos ‘problemas’. E tem o fim de semana que ficamos em família! Tem momento para tudo e para todos!


As demandas sociais sempre foram significativas e tornaram-se mais acentuadas com a pandemia. Quais são as campanhas desenvolvidas no momento diante desse cenário?

Sim, com a pandemia as demandas aumentaram e fizemos, desde janeiro, muitas campanhas e muitas parcerias com empresas, e o resultado tem sido fantástico. Tenho visto o povo piracicabano muito comprometido em ajudar, em doar! O governo do Estado também nos ajudou muito com cestas básicas. Temos muito a agradecer a todas pessoas e empresas que estão sendo solidárias neste momento! Hoje, além da campanha de alimentos, temos também a campanha de inverno, onde pedimos mantas, cobertores e fraldas geriátricas. As fraldas são usadas por pessoas acamadas ou com algum tipo de problema, e a demanda é muito grande e no inverno aumenta, pois cada pessoa usa no mínimo 4 fraldas por dia. Imagine a quantidade, que precisamos para doar? Gostaria de aproveitar e deixar esse recado sobre as fraldas geriátricas: quem puder doar será muito bem-vindo e de antemão, já agradeço a todos.


O que mais tem te surpreendido durante esses seis meses à frente do Fussp?

Ainda somente com seis meses frente ao Fundo de Solidariedade deu para entender como funcionam as engrenagens, e é um trabalho desafiador, onde você precisa arrecadar as cestas básicas para as famílias cadastradas e em vulnerabilidade, precisa ter as fraldas para os doentes, mantas para aquecer no inverno, ou seja, o trabalho não para. Tudo isso sem ter caixa, somente por meio de campanhas, e recebendo doações. Mas como já comentei, a população piracicabana é muito solidária, tenho percebido como as pessoas se movimentam para ajudar, isso é maravilhoso! Temos tido uma receptividade que nos motiva diariamente, além disso, temos um time que nos apoia e colabora com nossas ações. Sou grata a todos!


Há parcerias desenvolvidas pelo Fussp?

Além das campanhas, fizemos uma proposta de parcerias com as empresas, onde as doações são realizadas mensalmente por um período determinado de um ano. Assim, podemos dar continuidade às distribuições e sabemos quanto teremos para receber a cada mês! Acredito que a parceria público-privado dá certo sempre! Juntos somos mais fortes e os resultados são muito melhores, com certeza. Acho que com a gestão adequada, o trabalho dá certo e a evolução é melhor para todos.


Qual mensagem gostaria de ver estampada nos jornais?

Hoje, eu penso todos nós gostaríamos de ler a mesma manchete nas capas: FIM DA PANDEMIA! Voltamos a ter nossas vidas como há um ano e meio!


SERVIÇO

Acompanhe o Fundo Social de Solidariedade de Piracicaba no Instagram: @fundosocial_piracicaba.


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon