top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

Instituto Sindical de Piracicaba aprova criação de grupos de trabalho para ampliar ações


Na sua primeira plenária, dirigentes do Instituto Sindical aprovaram por unanimidade novas ações voltadas a fortalecer as ações do movimento sindical - Foto: Divulgação

O Instituto Sindical de Piracicaba, que reúne 24 sindicatos de trabalhadores da cidade, em sua primeira plenária oficial, na última sexta-feira (29), aprovou por unanimidade a criação de cinco grupos de trabalho que vão atuar para ampliar as ações tanto na defesa dos trabalhadores como para garantir o protagonismo do movimento sindical piracicabano.


Na plenária, na sede do Sindicato dos Bancários de Piracicaba, coordenada pelo presidente do Instituto Sindical, Wagner da Silveira, o Juca dos Metalúrgicos, e pelo vice-presidente da entidade, José Antonio Fernandes Paiva, foram criados os grupos de trabalho “Saúde do trabalhador”, “Representação política”, “Inclusão no mercado de trabalho das pessoas com deficiência e a acessibilidade”, “Qualificação do trabalhador e dos dirigentes sindicais” e “Trabalho e emprego”.



Com a criação destes grupos, o presidente do Instituto Sindical destaca que o objetivo é de aprofundar as discussões que ajudarão o movimento sindical da cidade a dar o norte nas suas ações, sempre votadas a garantir a valorização dos trabalhadores e o respeito aos seus direitos, assim como prepara-los melhor para o mercado do trabalho e garantir o protagonismo do movimento sindical. “Os grupos serão compostos por dirigentes sindicais, conforme a sua afinidade, que estarão contribuindo com toda experiência acumulada e história de lutas do movimento sindical piracicabano, que sempre foi referência no Estado de São Paulo e até no país, para apontar os rumos desejados e, num segundo momento, buscar apoio de especialistas que ajudarão a desenvolver os projetos”, ressalta Juca.


Toda esta nova dinâmica que será criada, conforme o vice-presidente do Instituto Sindical, o movimento sindical de Piracicaba estará ainda mais preparado para atuar nos mais diferentes fóruns, e ajudar a definir os rumos da cidade, aonde vivem os trabalhadores e seus familiares. “Representamos pelo menos 200 mil trabalhadores da ativa e aposentados que são a grande engrenagem da sociedade piracicabana e, portanto, o protagonismo deve ser dos trabalhadores, que movimentam a economia da cidade e é inegável contam com uma força imensurável. Juntos, temos condições de melhorar cada vez mais tanto o nosso ambiente de trabalho como a própria qualidade de vida na nossa cidade”, destaca Paiva.


A partir desta plenária ficou estabelecido ainda que o Instituto Sindical estará focado em desenvolver inúmeras ações voltadas a mostrar a importância dos sindicatos de trabalhadores, que, ao longo das últimas décadas, já demonstraram ser o principal instrumento de defesa dos trabalhadores.


“Vamos ampliar ainda mais as ações, inclusive de rua, para que o trabalho que é desenvolvido pelos sindicatos tenha o devido reconhecimento, uma vez que tudo que o trabalhador tem e recebe pelo seu esforço e dedicação, desde salários acima do salário mínimo, planos de saúde, cesta básica, ambientes seguro de trabalho, participação nos lucros das empresas, entre muitos outros obtidos ao longo das últimas décadas, são resultado da conquista obtida pelos sindicatos. Nada é conquistado sem a ação efetiva do sindicato e isso precisa ser deixado bem claro para o trabalhador, já que boa parte dos trabalhadores ingressou no mercado de trabalho quando esses avanços já haviam sido conquistados”, completa o presidente do Instituto Sindicato, Wagner da Silveira, o Juca dos Metalúrgicos.


Comments


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page