top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

Especialistas dão dicas para manter o peso nas festas de fim de ano


As ceias e festas de fiM de ano são famosas pela variedade de pratos - Imagem: Ilustrativa

O fim do ano chegou e, com ele, as comemorações para reunir os amigos e a família, período propício para sair da dieta. As ceias e festas de fim de ano são famosas pela variedade de pratos tradicionais e bebidas que complementam as confraternizações.


Para quem está buscando a manutenção ou a perda de peso este é um período que exige muito cuidado, força de vontade, mas acima de tudo, planejamento, tendo em vista que é possível driblar ou substituir alimentos e bebidas mais calóricas por opções menos calóricas.








Confira algumas dicas de profissionais - especialistas no tratamento da obesidade - para garantir que todos os seus esforços para manter a dieta não sejam perdidos nas festas de fim de ano.


Equilíbrio

A primeira orientação é manter a alimentação equilibrada. Seja para pessoas que estão em processo de emagrecimento ou para os que já atingiram seu objetivo, o mês de dezembro acaba tirando as pessoas da rotina. A nutricionista Natalie Marques reforça a importância de continuar com o planejamento alimentar nesse período. “É normal que as pessoas saiam um pouco da dieta na noite de Natal, e por isso, é essencial manter uma alimentação saudável nos outros dias. O planejamento é fundamental para saber o que vai comer ao longo do dia e evitar o consumo de alimentos industrializados na hora da fome”, afirma.


Já o cirurgião e especialista no tratamento cirúrgico da obesidade, José Alfredo Sadowski, lembra que alimentos calóricos e gordurosos em excesso - comuns nesta época do ano, também influenciam e são prejudiciais para pacientes que estão buscando o controle do peso e de doenças como a hipertensão e o diabetes. "É importante pensar na saúde como um todo para evitar que estes 15 últimos dias do ano impactem no tratamento que vem sendo feito nos últimos meses", reforça Sadowski.


Trocas inteligentes

Com armários e geladeira cheios de opções saudáveis e naturais, fica mais fácil cuidar do peso. “Antes de ir ao mercado, faça uma lista dos alimentos que irão compor a sua semana ou ceia de Natal, e se atente apenas aos itens listados. Invista em frutas e verduras e evite produtos industrializados, gordurosos e ultraprocessados”, orienta Natalie.


Algumas trocas inteligentes também podem deixar a sua ceia de Natal ou de ano novo mais saudável. “Evite comprar as carnes que já vêm temperadas. O tempero natural é sempre melhor. Ervas finas, sal, pimenta do reino e outras especiarias podem deixar sua ave ainda mais deliciosa e saudável”, explica a nutricionista.


Confraternizações

Antes de ir para aquela festa de fim de ano, procure fazer um pequeno lanche para reduzir o apetite. Chegando lá, dê preferências para as saladas e carnes magras. "Evite colocar muitos alimentos gordurosos no seu prato e faça combinações com frutas, como abacaxi para ajudar na digestão”, diz Natalie.


Outra dica importante, lembrada pelo cirurgião José Alfredo Sadowski, é mesclar o consumo de bebidas alcoólicas. "Para pacientes em tratamento clínico, manutenção de peso e, especialmente, para pacientes que passaram pela cirurgia bariátrica, a bebida alcóolica é um grande sabotador. Muitas vezes, pacientes que passaram pela redução de estômago, preferem o líquido ao alimento. O consumo de álcool não é proibido, mas deve ser muito reduzido e, se possível, mesclado com água. Isso ajudará a manter a hidratação e reduzir os efeitos do álcool", enfatiza.


Atividade física

Manter o corpo ativo é fundamental no processo de emagrecimento e uma recomendação de todos os profissionais de saúde. Nessa reta final do ano, investir em exercícios diários, como uma caminhada matinal, yoga, natação ou outra atividade de sua preferência, mesmo nas férias, ajudará a contrabalancear o consumo calórico e a manter a saúde em dia.


Sucos detox, chá e água

"Sucos verdes naturais, chás e muita água são sempre bem-vindos após essas refeições mais calóricas e que fogem da dieta", enfatiza a nutricionista Natalie Marques. Ela lembra que água de coco, laranja, cenoura, gengibre, beterraba e couve são algumas opções que podem compor o suco detox após uma refeição, ceia de Natal ou de ano novo.


Obesidade x doenças crônicas

Para a população geral, ganhar alguns quilos no fim do ano não representa grande perigo, mas esse panorama muda quando se trata de pessoas com histórico de doenças crônicas como a obesidade, hipertensão, diabetes, entre outras associadas ao excesso de peso.


Segundo José Alfredo Sadowski, o aumento do peso da população é motivo de preocupação. De acordo com o médico, até o início da próxima década serão aproximadamente 50 milhões de brasileiros com obesidade. "A educação nutricional deveria ser parte do currículo obrigatório do ensino básico. Levando conhecimento para a população e, a longo prazo, mudanças para hábitos de vida mais saudáveis", diz. "Parte disso é conscientizar as pessoas de que a obesidade é uma doença que precisa ser tratada o quanto antes, inclusive na infância e na adolescência”, completa o especialista.



Opmerkingen


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page