top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

Devocional: na imprevisibilidade da vida, Deus nos livra da desesperança


Imagem: Divulgação

*Texto: Eliana Teixeira

Pouquíssimos são os acontecimentos que temos controle em nossas vidas. Isso não significa que não devemos nos organizar, fazer planos, mas é preciso ter a consciência de que a vida não é algo linear, previsível. Viver é ter bons e ruins momentos, alegrias e tristezas. Não tem como evitar isso, mas a ausência de sabedoria pode nos fazer prisioneiros em nossas redomas, traumas e preocupações. Quando estamos presos em nosso pseudo-controle sobre os acontecimentos da vida, ou querendo fugir de algo inesperado que surge para nós – há quem fuja até do que é positivo por puro medo - nos angustiamos, nos sentimos oprimidos.


Sentimentos de angústia e opressão tomaram conta do profeta Jonas, quando ele estava no ventre do grande peixe, um lugar escuro e solitário – sensação semelhante a que vivemos quando estamos diante de situações que roubam nossa esperança -, após ter recusado a seguir para Nínive, cidade onde Deus queria que levasse uma mensagem de arrependimento aos seus moradores.



Em vez de ir ao local onde Deus havia ordenado, Jonas fugiu, pegou uma embarcação, e durante uma tempestade provocada pela sua presença no barco, foi lançado ao mar por marinheiros que temiam naufragar por sua causa, indo parar no ventre do peixe. Essa foi a fuga de Jonas diante de algo que ele não queria fazer. E você, qual tem sido a sua fuga?


Toda ação tem uma reação. A fuga de Jonas o levou para o ventre do grande peixe. Diante da desesperança, consciente de que havia cometido um erro ao fugir daquilo que Deus queria que fosse realizado, Jonas se arrepende e volta-se ao Pai, em oração. “Quando, dentro de mim, desfalecia a minha alma, eu me lembrei do Senhor; e subiu a ti a minha oração, no teu santo templo”. (Jonas 2:7)


E aquele que tem o controle de todas as coisas, que sopra o fôlego de vida sobre nós, o único que é o senhor do tempo, ou viu a Jonas: “Falou, pois, o Senhor ao peixe, e este vomitou a Jonas na terra”. (Jonas 2:10)


Podemos focar em três lições no livro de Jonas:

1) Deus faz ou permite vivermos coisas que não estavam em nossos planos;

2) Quando fugimos de uma situação, certamente, teremos consequências a serem enfrentadas em algum momento;

3) Por pior que seja o momento no qual estamos, ainda que vivendo as consequências de nossos atos, sempre podemos recorrer ao Pai, que é misericordioso para nos tirar de qualquer situação de desesperança, seja em questões familiares, problemas de saúde, finanças ou relacionamentos.


Lembre-se: a vida não é linear, muitas coisas não temos como evitar, mas temos um Pai amoroso a quem podemos recorrer, sempre. Que nesta semana que se inicia, assim como Jonas, possamos estar livres do que nos causa desesperança.


Comments


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page