top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

Chapa 1: “Apeoesp Unida” reforça luta emdefesa do magistério da educação pública


Chapa 1 Apeoesp Unida que disputa a eleição na entidade, no próximo dia 26 - Imagem: Divulgação

Em encontro na Academia Paulista de Letras, em São Paulo, no último sábado (6), aconteceu o lançamento oficial da Chapa 1 – “Apeoesp Unida”, que concorre à Diretoria Estadual e Conselhos estadual e regionais do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo, o maior da América Latina, com 189 mil associados.


A eleição acontecerá no próximo dia 26 e terá o professor Fábio de Moraes, atual vice-presidente, como candidato a presidente, e a deputada estadual Professora Bebel (PT), ocupando a segunda presidência, como passará a ser denominada a vice-presidência da entidade, e o objetivo da Chapa 1 é de manter a luta em defesa do magistério paulista e da educação pública de qualidade.



Em suas redes sociais, a deputada Professora Bebel, que coordenou o evento, destacou “fizemos história na Apeoesp, lançando a Chapa 1 - Apeoesp Unida, reunindo a Articulação Sindical, corrente à qual pertence, e outras 17 principais correntes que atuam no nosso sindicato. Pela primeira vez na história da Apeoesp, apresenta-se uma chapa que reúne todas as principais correntes, de variadas matrizes políticas, reafirmando a unidade que vem se construindo e dando o tom da atuação da entidade nos últimos anos. A Chapa 1 é a única das três inscritas que está presente nas 94 subsedes e em todos os municípios do estado de São Paulo".


A Apeoesp vem sendo presidida pela Professora Bebel, eleita e reeleita desde 2008 e que está no segundo mandato como deputada estadual. “Uma das principais motivações para esta união, cujo caminho foi pavimentado pela instituição da proporcionalidade na composição da Diretoria Estadual de acordo com a votação obtida nas eleições a partir de um patamar mínimo de 10% dos votos, foram os ataques à democracia e os retrocessos que se verificaram nos direitos econômicos, sociais, educacionais e sindicais do povo brasileiro a partir do golpe de 2016, que retirou a presidenta Dilma Rousseff do governo do País”.


De acordo com Bebel, a pandemia da Covid-19 e seus desafios também foram motivação para a unidade na Apeoesp. Bebel destaca que “companheiras e companheiros valorosos integram a Chapa 1, e a unidade que nela se expressa foi construída nos últimos anos e dará o tom e o caminho da nova gestão, unidade fundamental para a defesa do salário, direitos, democracia e educação pública de qualidade. Essa unidade continua imprescindível para enfrentar o governo de extrema direita de Tarcísio de Freitas. Foi essa unidade que permitiu, entre outras, duas grandes conquistas recentes: a prorrogação dos contratos dos professores temporários no final de 2022, evitando em torno de 50 mil demissões e o fim do confisco salarial de aposentados e pensionistas, instituído por João Doria em 2021".


A Chapa 1 “Apeoesp Unida” defenderá a revogação da reforma do ensino médio, contra o atual Programa de Ensino Integral, que é excludente, por escolas seguras, pela revogação da carreira por subsídio e uma carreira aberta, justa e atraente, por concurso público para 100 mil vagas, aplicação correta do piso salarial nacional, não ao fechamento de classes, Atividades Pedagógicas Diversificadas em local de livre escolha. “É a defesa do magistério paulista e da educação pública de qualidade”, enfatiza Bebel, que recebeu diversas homenagens durante o lançamento da Chapa.

Comments


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page