• O Canal da Lili

Campanha Conexão Solidária arrecadou mais de 4,5 toneladas de alimentos


Atiradores do Tiro de Guerra participaram da campanha - Imagem: Prefeitura/CCS

A 3ª Campanha Regional de Arrecadação Conexão Solidária, iniciativa realizada pela EPTV no último dia 17 de abril, arrecadou mais de 4,5 toneladas de alimentos, que vão beneficiar cerca de 200 famílias em vulnerabilidade social de Piracicaba, por meio do Banco de Alimentos do Fussp (Fundo Social de Solidariedade).


A ação aconteceu no estacionamento da Prefeitura e também no Tiro de Guerra. O sistema adotado foi o drive-thru, seguindo todos os protocolos de segurança de combate ao coronavírus. O prefeito de Piracicaba, Luciano Almeida, que compareceu à campanha, agradeceu o apoio recebido. “É hora de nos unirmos para combater a fome, precisamos dar as mãos em prol de todos aqueles que estão precisando”, reforçou Luciano.


A mobilização da Polícia Militar também deu frutos, com a arrecadação de 522 quilos de alimentos nos batalhões. Os esforços para arrecadação de alimentos tiveram o apoio da equipe do Banco de Alimentos, atiradores do Tiro de Guerra, voluntários e muitos apoiadores. Andréa Almeida, presidente do Fussp, também agradeceu a todos que se mobilizaram. “É muito importante que todos colaborem. Temos visto uma grande movimentação para equacionar a questão mais emergencial e os resultados já são visíveis”, agradeceu Andréa.


Uma das doações veio do Conselho de Pastores de Piracicaba, que organizou uma carreata para o evento, na qual foram entregues 460 kilos de alimentos. “O objetivo desta carreata foi arrecadar alimentos e contribuir com mais esta ação em benefício de todos, pois estamos passando por momentos muito difíceis e temos que fazer a nossa parte”, disse o pastor Fernando Favore.


RECEBIMENTO

Os alimentos arrecadados dão origem a cestas básicas, que são doadas a famílias em situação de vulnerabilidade social, encaminhadas pela Smads (Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social), por meio das unidades de Cras (Centro de Referência de Assistência Social). Não há necessidade que a família já seja atendida pelos serviços da assistência social do município. Ao entrar em contato com uma das seis unidades Cras, divididas por regiões da cidade, a família tem os dados cadastrados ou atualizados. A avaliação técnica irá identificar questões de vulnerabilidade social, entre elas, as necessidades relacionadas à vulnerabilidade alimentar. A lista doas unidades de Cras pode ser acessada no site: http://smads.piracicaba.sp.gov.br/protecao-basica/- .

  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon