top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

Bebel diz que Lula cumpre promessa ao retomar Mais médicos, garantindo 55 profissionais na RMP


A deputada Professora Bebel comemora a duplicação de médicos em Piracicaba, através do programa relançado pelo presidente Lula - Imagem: Divulgação

A deputada estadual Professora Bebel, principal liderança do PT na RMP (Região Metropolitana de Piracicaba), diz que a destinação de 55 vagas regionais pelo programa Mais Médicos pelo Ministério da Saúde é resultado do cumprimento de promessa feita pelo presidente Lula durante a campanha eleitoral do ano passado. Piracicaba (SP), que tinha oito profissionais do programa, passará a contar com 16. Na RMP, foram destinadas 55 vagas pelo programa.


O programa foi criado pela então presidente Dilma Rousseff e chegou a ser responsável por 100% da atenção primária em 1.039 municípios, contratou mais de 18 mil profissionais e beneficiou 63 milhões de brasileiros. O “Mais Médicos” foi relançado pelo presidente Lula no mês passado, rebatizado de “Mais Saúde para o Brasil” e garantiu para Piracicaba 16 vagas, enquanto que para Capivari, Charqueada, Elias Fausto, Ipeúna, Nova Odessa, Rafard, Saltinho e São Pedro uma vaga. Já para Cosmópolis 11 vagas, Limeira 16 vagas e Santa Bárbara D´Oeste quatro vagas.



Para a deputada Bebel, o relançamento deste programa vai contribuir para aumentar a oferta de médicos no sistema público de saúde. “Atualmente, todos sabemos que faltam médicos tanto em Piracicaba como em toda região”, ressalta. O programa “Mais Médicos” chegou a ser responsável por 100% da atenção primária em 1.039 municípios, contratou mais de 18 mil profissionais e beneficiou 63 milhões de brasileiros. Piracicaba, por exemplo, chegou a ter cerca de 25 médicos contratados pelo programa, que atuavam no programa “médico de família” da Prefeitura da cidade.


De acordo com a parlamentar, governo federal, “além de ampliar o número de profissionais na saúde, o programa vai trabalhar para melhorar o SUS com investimentos para construção e reformas de Unidades Básicas, ampliando o atendimento no Brasil”. “Com o relançamento do programa, os resultados já começaram a aparecer com a contratação de mais médicos”.


Bebel diz que infelizmente, nos últimos anos, a forma como o governo tratou o “Mais Médicos” mostra o descaso que sofreu o SUS”, prejudicando a população que depende do sistema público de saúde, que sente a falta de médicos nas unidades básicas de saúde. “O que acontece em Piracicaba, também ocorre nas demais cidades brasileiras, com a população tendo muita dificuldade em obter atendimento médico. Agora, com o fortalecimento deste programa, a nossa expectativa é de que seja reduzida a falta de médicos tanto em Piracicaba como na região, assim como em todo país”, enfatiza.

  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page