• O Canal da Lili

Bebel diz que, com novo ensino médio,Rossieli quer destruir a educação no Estado de São Paulo

Atualizado: 5 de fev.


Bebel lamenta a defesa do secretário, lembrando que o PSDB governo o Estado de São Paulo há quase três décadas - Imagem: Divulgação

Para a deputada estadual Professora Bebel (PT), que também é presidenta da Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), o secretário estadual da Educação, Rossieli Soares, assumiu de vez e de forma aberta e declarada o objetivo de destruir a educação pública no Estado. De acordo com ela, isso irá ocorrer com a implantação do novo ensino médio em detrimento da formação generalista anterior, com as disciplinas tradicionais de biologia, física e química, entre outras, que passa a valer para o segundo ano do ensino médio em todas as escolas da rede estadual a partir deste ano letivo e vai mudar gradativamente o ensino em instituições públicas e privadas de todo o País.



Bebel lamenta que após quase três décadas de governos do PSDB, no mais rico e populoso Estado do País e aquele que tem o maior número de estudantes matriculados, Rossieli afirma que a educação brasileira é uma das piores do mundo, para justificar uma reforma do ensino médio que vai formar jovens exclusivamente para suprir demandas por mão de obra no chamado "mercado" de trabalho e para fomentar o "empreendorismo" dentro de um modelo econômico que está extinguindo oportunidades para a juventude. “Nós vamos resistir. Vamos debater nas escolas com os professores, funcionários, conselhos de escolas, comunidades, para que resistam ao rebaixamento do ensino médio feito por um governo em fim de mandato”, diz.


Para a deputada e presidenta da Apeoesp, “é fácil para o ex-ministro do governo golpista de Michel Temer fazer determinadas afirmações, pois foi ele mesmo é o responsável pela famigerada reforma do ensino médio" e também por impedir que as diretrizes curriculares nacionais para o ensino médio aprovadas pelo Conselho Nacional de Educação no governo do PT fossem levadas à prática. "Os brasileiros e os paulistas contam os dias e as horas para que finalmente acabem esses governos destruidores do (presidente Jair) Bolsonaro e (do governador João) Doria e para que possamos retomar o caminho da construção de uma nação que forme nossos jovens para a cidadania e para a vida que escolherem e não o destino imposto por um sistema movido unicamente pelo lucro”, diz.




  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon