top of page
  • Foto do escritorO Canal da Lili

Alimentação na gravidez: especialista orienta o que consumir e o que evitar

Atualizado: 16 de ago. de 2022


Durante a gestação, o papel da alimentação ganha ainda mais importância - Imagem: Ilustrativa/Freepik

Durante a gestação, o papel da alimentação ganha ainda mais importância, já que deixa de ser fonte de nutrição apenas para a mãe e se torna a principal responsável pelo desenvolvimento saudável do bebê. Neste dia da gestante, a nutricionista Bettina Del Pino, da startup de nutrição Dietbox, reforça a importância do acompanhamento nutricional no período gestacional e reúne dicas sobre quais alimentos consumir e evitar durante a gravidez.


Para Bettina, o cuidado com a alimentação deve começar antes mesmo de engravidar. “Uma rotina ativa e dieta balanceada são fatores que favorecem o funcionamento do corpo e previnem doenças como hipertensão, diabetes e colesterol alto, além de auxiliarem na fertilidade de homens e mulheres. Estudos demonstram que o sobrepeso e obesidade, por exemplo, estão diretamente relacionados com o déficit na produção de hormônios que auxiliam a gravidez nas mulheres e na quantidade e na fertilidade dos homens”, explica.



Alimentos aconselhados durante a gravidez

A especialista destaca que alguns nutrientes acabam sendo mais requeridos durante a gravidez, dentre eles ferro, vitamina D, vitamina B12, e ácido fólico, por exemplo. Bettina, então, explica quais alimentos ingerir para suprir a nova demanda do corpo: “carnes, vegetais de folhagem escura e leguminosas são ótimas fontes de ferro, mas para melhorar a absorção deste nutriente é importante consumir em conjunto alimentos ricos em vitamina C, como as frutas cítricas”.


Assim como o ferro, o cálcio é outro nutriente que a nutricionista traz como ponto de atenção: “o cálcio é responsável pela formação e bom funcionamento dos ossos. Na mulher grávida, este nutriente é usado para fortalecer a estrutura óssea da mãe e formar o esqueleto do bebê. Quando não há a ingestão suficiente, o corpo remaneja o cálcio do organismo da mulher para priorizar o feto, podendo acarretar em doenças como osteoporose”. Dessa forma, alimentos como leite e derivados, carne e verduras com folhagem escura, como a couve-manteiga, são aliados poderosos para obtenção de cálcio.


O que evitar durante a gravidez

Já conhecidos como vilões da alimentação saudável, os alimentos processados, frituras e aqueles com grande quantidade de sódio e açúcar, devem ser evitados durante a gestação. Bettina alerta: “são alimentos que aumentam as chances de a mulher adquirir doenças como diabetes gestacional e pré-eclâmpsia. Além disso, o consumo em excesso aumenta as chances do bebê se tornar uma criança com sobrepeso e marcadores alterados, o que acarreta em outros diversos problemas”. Além destes, também são recomendados a suspensão de bebidas alcoólicas, tabagismo e cafeína até o final da amamentação.


Sobre a Dietbox  

Fundada em 2013, a Dietbox é a empresa responsável pelo software online de nutrição mais utilizado por profissionais da área, que oferece aos nutricionistas uma ferramenta de aproximação e fidelização de pacientes. A startup conta com mais de 270 mil profissionais e estudantes no sistema, mais de 5 milhões e meio de pacientes cadastrados e está presente em 14 países. Em 2019, a companhia deu início ao seu processo de internacionalização e personalizou o software para o mercado chileno. A Dietbox ocupa posição de líder de mercado no Brasil.

Comments


  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon
bottom of page